São Francisco Xavier

Portanto, escolhe a vida, para que você e seus descendentes vivam (Dt 30, 19)”

A Pastoral da Juventude do Xingu, durante os dias 07 a 10 de setembro de 2017, avançou mais um passo rumo ao resgate da sua identidade profética de anúncio e denúncia, fortalecendo a unidade em torno do projeto do Reino de Deus, buscando integrar a fé e a vida, que se encontram presentes no rosto de nosso amigo e companheiro Jesus Cristo.

Com efeito, a Pastoral da Juventude promoveu, junto à comunidade da Paróquia São Francisco Xavier no município de Senador José Porfírio, a construção e a realização da 2ª Caminhada da Juventude do Xingu (2ª CAJUX), que teve como tema: “Jovens e a violência no Médio Xingu” e lema: “Ponho então a tua frente, dois caminhos diferentes, vida e morte e escolherás”.

Todos temos à Luz da Palavra a mesma face e somos irmãos em um só Pai. Em razão disso, nestes quatro dias de encontro, a juventude lembrou do seu compromisso com o “projeto de formação inspirado na espiritualidade do segmento de Jesus Cristo” e debateu a violência em suas mais diversas faces.

A sociedade brasileira é, hoje, uma das mais desiguais do mundo. Tal situação reflete um modelo social que impõe um ideal de consumo ilusório e inatingível aos pobres, somente possível para os mais ricos. Esse modelo alimenta a difusão da violência, resultando de muitos conflitos e tensões produzidos por um mundo desigual, incapaz de respeitar a dignidade das pessoas. Uma desigualdade que, aos olhos do cristão, é um escândalo e, ao mesmo tempo, um desafio, diante do qual não basta protestar ou lamentar, mas é preciso redobrar com lucidez e  com perseverança o empenho na construção de uma sociedade justa e solidária (Doc. 85 - CNBB, Evangelização da Juventude. pag. 57).
 
Por meio de oficinas e palestras, recordamos que os nossos semelhantes sofrem com diversos tipos de violências: violência urbana e rural; ambiental e doméstica; contra as mulheres, contra o idoso, contra os indígenas, contra os trabalhadores e contra a juventude. Estas são a prova de que vivemos em uma sociedade doente, obcecada pelo capital e cheia de egoísmo. No entanto, o Cristo Jovem nos mostra que o caminho e a saída é o Mandamento do Amor.

A evangelização dos jovens não pode visar somente a suas relações mais próximas – como o grupo de amigos, a família, a amizade, a fraternidade, a afetividade e o carinho, as pequenas lutas do dia a dia. A ação evangelizadora deve também motivar o envolvimento com as grandes questões que dizem respeito a toda a sociedade, como: a economia, a política, e todos os desafios sociais de nosso tempo. Há necessidade de animar e capacitar o jovem para o exercício da cidadania, como uma dimensão importante do discipulado [...]. (Doc. 85 - CNBB, Evangelização da Juventude. pag. 57).

Conforme o tema deste encontro, temos dois caminhos à nossa frente. Um dos caminhos, o da morte, já foi escolhido pelos grandes latifundiários, pelo grande empresariado, pelos idealizadores e executores dos grandes projetos na Amazônia e por parte de nossa classe política. O caminho da morte é protagonizado pelos que provam sua incompetência depositando na violência o seu último argumento. Hidrelétricas, mineradoras, grilagens e garimpos, somadas a má gestão e a corrupção, são ceifadores da vida do povo amazônida.
 
Contudo, dizemos NÃO a todos que escolhem o caminho da morte e levamos sempre o Santo Evangelho na luta contra esse caminho destrutivo. No entanto, rezamos pela conversão de todos no Amor de Cristo e nos abrimos ao debate neste desafio, a fim de anunciar a liberdade, a igualdade e a fraternidade a todos os povos, e fazemos assim a nossa escolha pelo caminho da vida.

Nesse sentido, uma das formas de se prevenir a violência, se faz por meio da garantia da dignidade da pessoa e dos direitos humanos, previstos no Pacto de São José da Costa Rica, e na Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. O artigo 6º da Constituição Federal, afirma que “São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção a maternidade e a infância, a assistência aos desamparados”.

Ademais, o artigo 227, diz que “é dever da família, da sociedade e do Estado assegurar a criança, ao adolescente, e ao jovem, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação e ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade, à convivência familiar e comunitária, além de colocá-lo a salvo de toda forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão”.

A Santa Palavra, no entanto, é a nossa base para a escolha do caminho da vida. Lembramos que o Evangelho do Amor deve nos reger para o Bom Caminho já que o próprio Cristo nos lembra que Ele veio “para que todos tenham vida, e tenham vida em abundância (Jo 10,10)”.

Somos Igreja Jovem e “acreditamos na Luz e alimentamos sempre a esperança [...], renovamos nossos compromissos batismais e crismais na defesa e promoção da vida onde a morte é semeada; do amor e da paz onde o ódio é espalhado; da justiça quando vemos os povos do Xingu agredidos por injustiças, violências, desrespeito e discriminação” (Carta Compromisso do Seminário do REPAM/Xingu 2017).

Fazemos coro aos movimentos eclesiais e sociais que lutam pela vida de todos aqueles que sofrem com qualquer forma de violência, e mais ainda, nos propomos a anunciar sem receio e sem fronteiras o Mandamento Novo: AMEM-SE UNS AOS OUTROS (Jo 13, 34).

Ao fim do encontro que nós, irmãos e irmãs em Cristo, possamos nos recordar que a Caminhada da juventude inicia-se agora. Nas nossas comunidades, nos encontros de base, na nossa vivência cristã na sociedade. É lá que de fato vamos recomeçar a nossa caminhada, renovados e fortalecidos com esses dias de encontro. É hora de lembrar da Palavra, segundo São Lucas e, que possamos guardar isso no nosso íntimo: “Levantaram-se, voltaram e contaram o que tinha acontecido no caminho” (Lc 24, 33.35).

É hora do anúncio. É hora do anúncio da escolha da vida.

Viva a Pastoral da Juventude do Xingu!

Clique aqui para baixar a versão para impressão ou para envio pelo Whatsapp.

 

Senador José Porfírio- Souzel

Paróquia São Francisco Xavier – Alírio Bervian 1ªPISADO –

ABRIL – JULHO/2017

Nos dias 09 e 10/02/2017 decidimos fazer uma viagem de reconhecimento da Paróquia S. Fco. Xavier de Senador José Porfírio, conhecido por Souzel. Almoçamos no dia 09/02 na Balsa com a Família de Renato que nos contou da ida em missão para o km 80 da PA-167-N. Sr Aparecida em domingos passados. Seguimos viagem entrando no cemitério, atalho para a PA 167-paramos na vila Bom Pastor, comunidade S. Fco de Assis. Na casa de Édina, recebemos informações. Seguimos para os loteamentos assentamentos Canoé, comunidade São Raimundo Nonato. Sempre tivemos informações sobre outros locais de atendimento como Bambú, Água Preta onde vamos pisar em outra ocasião. No Canoé paramos no Antônio José que coordena uma Associação com todos os implementos para recuperação de áreas degradáveis – transforma o deserto em flor. Estão com a Fábrica de polpas de frutas já quase funcionando, plantio de frutas, outros com Fábrica de farinha. Estavam de passagem pessoas de organizações que apoiam linhas de crédito, projetos e até aluno da Casa Familiar Rural. No 80 passamos em duas casas onde encontramos só as mulheres Leia e Vera. Chegamos já no final da tarde a Souzel. Passamos na casa das irmãs Helena e Mona, realizando com ela a oração do ofício e deixando missa marcada às 7 h do dia 10/02.

Pe. Bento logo informou-nos que iriamos na comunidade São Pedro da Sabá no outro lado do Xingu, do Tapecuari. Comigo veio Gilberto seminarista que veio do Sul em 31/01 e vai passar o ano de estágio em Gurupá-PA, e Joãozinho do Km 75 Norte de Medicilândia, filho de Bigode, comunidade São Vicente. A janta foi no Jonas e Betânia. No dia 10/02 saímos pelas 8 h com Roberto, o barqueiro da Stª Teresinha é o “diácono’ que domina tudo. Na casa de Sabá, que ainda estava na Roça plantando maniva, aproveitei para Roberto repassar o quadro dos setores com suas comunidades – São seis – nós estávamos no setor 2 ilhas.

Pe. Bento sugeriu que visitasse o setor 5 – Canoé-PA167 nos dias 13-16/03/2017. Cada dia uma comunidade, vim só, mas os anjos estavam no caminho ajudando-me a encontrar as comunidades. Visitamos famílias, gente conhecida de outros tempos. Deveria ter chegado a Souzel em 20/03, mas não deu, devido a tratamento médico e dentário e outras atividades. No dia 21/03, às 9 h pisamos em Souzel, vindo pelo Rio Xingu de voadeira. Pe. José Amaro, as irmãs Jane e Kátia, Ceará, Claudão e mais um. Recém tinham iniciado a viagem de volta para Anapu. Ainda Pe. Bento colocou-me em sintonia (celular) c/ Pe. Amaro: “Vamos trabalhar juntos” A noite encontro com as lideranças das pastorais. No dia 22/03, às 7 h celebrei com as irmãs, café e bons papos. Passei até dia 23/03. Ao meio dia em Souzel. Os jovens vieram conversar e senti que eles tem um fogo dentro de si. Estão preparando as encenações de 6ª feira Santa em 14/04/2017. No dia 22/3 estávamos reunidos com a secretária Ester, Roberto, o coordenador geral da paróquia. Repassaram muita coisa e fizeram consultas para encaminhamentos. Já na manhã fizemos com Roberto uma programação. A tarde confirmamos e ficou assim:

PROGRAMAÇÃO

Março e abril / 2017

 

30/03 – Volta pela Estrada PA167 a Souzel, fazendo algumas visitas.

31/03-visão geral da cidade e à noite celebração na PP. Socorro.

1º/04 – visita na cidade e celebração na Stª Teresinha onde moram as irmãs

2/04 – 9 h na cidade, São Benedito onde fica Ramadão e mora Roberto.

20 h Matriz São Francisco Xavier Cidade

De 3 a 8/04-visita ao Setor 2-Ilhas

08/04 – volta a Altamira

09/04-10 h Monte Santo

18 h Souzel – São Benedito – Caminhada de Ramos para Matriz

10/04-7 h matriz – é Semana Santa – Missa

à noite Reunião combinar as celebrações da Semana Santa

11/04-19:30 PP. Socorro – Missa – cidade – dia de visitas

12/04-Ainda aberto – celebração em alguma comunidade

13/04-5ª feira Santa – à tardinha: Lava Pés, Ceia, Adoração - vigília

14/04-6ª feira Santa-15 h celebração da Paíxão e Via Sacra com Jesus Morto-encenação dos jovens

15/04-Sábado santo – Vigília Pascal – à noite com fogo novo, proclamação de Páscoa

Noite de catequese e batizados

16/04-9 h São Benedito – Boa Páscoa meu irmão, minha irmã!

20 h Matriz São Francisco Xavier – Feliz Páscoa—Cristo Ressuscitou!!!

17/04-Ida a Altamira

18-20/04-Reunião do Conselho Presbiteral e Assembleia Presbiteral

20-22/04-Reunião do Conselho Pastoral – Bethânia – Altamira

22/04-19 Santa Teresinha-Missa – Cidade

23/04-São Benedito 9 h

= São Francisco Xavier-Missa-20h

24 a 29/04-setores 3 e 4

29/04-Stª Teresinha – à noite 19 h

30/04-9 h São Benedito

20 h matriz S. Fco Xavier

Maio/2017

1º-07/05-Volta a Altamira-Folga

5/05-80Norte (Flamengo) Casa de Lucas e Socorro-Anapu

6/05-80 Norte – Santa Luzia-10h Anapu

Pioneira – Sagrado Coração de Jesus-Km 40 – Casamento 19:30

7/05 – Imagem de Aparecida vem a Altamira trazida por D. João às 14:20 de avião.

20 h Souzel Matriz São Fco. Xavier

08-11/05-visita Setor 6

12/05-Bom Pastor S. Fraco de Assis 17 h

13/05-Água Preta – São Raimundo Nonato 9 h

14/05-Km 80 – N. Sr Aparecida-9 h

20 h Matriz São Francisco Xavier

15 a 25/05 ainda aberto

26 a 28/05—Seminário Laudato Si-

Rede Eclesial Pan – Amazônica

29/05 a 09/06 – ainda aberto

 

Junho/2017

10-18/06-a Festa de São Benedito – novena

19-23/06 ainda vago

26/06 até 2/07-Presença da imagem Peregrina de Aparecida em Souzel.

30/06 até 2/07-Escola de Fé e Cidadania—Leigos promovem.

Julho/2017

No mês de julho Roberto Trindade tirará suas merecidas Férias

15/07-no Km 90 Medicilândia, aniversário 70 anos de Antônio “duro”. O filho Bernadino pediu no dia 11/03 a minha presença lá.

16/07-Km70 Sul-10 h Francisco e Gorete (do Espelho). Vai celebrar na comunidade São José onde eram fiéis participantes.

20-23/07-12ª Romaria da Floresta

25-29/07 – Retiro Prelatício

Queremos receber ajuda de quem tem vontade de ajudar com cursos ou encontros de formação, presença conosco nas visitas – às pastorais devem repercutir nas comunidades em cada comunidade uma equipe dinamizadora de todas as atividades, sendo criativos. Queremos ser apoio a este numeroso universo de pobres deste município de Souzel. É preciso promover solidariedade, fraternidade com grupos de vizinhos, convidando todos a ser o que o Papa Francisco pede: “uma Igreja em saída”. Na Sede reunião mensal com as lideranças para formar o Conselho Paroquial.

Ester, nossa secretária, tem mais a comunicar e detalhar, com a colaboração de Roberto que conhece a paróquia como ninguém. Eu digo que estou começando um pisado por lá. Quero vir para o vosso meio para somar e queremos irmanar-nos com as paróquias e as áreas vizinhas.

Meu abraço a todos, as bênçãos de Deus e a proteção da Mãe de Jesus e do poderoso Padroeiro S. Francisco Xavier. Uma abençoada Páscoa!

Pe. Alírio

Obs.: para acessarem a PORONGA online basta acessar o site da Prelazia do Xingu: www.prelaziadoxingu.com.br